Em três meses, Agudos registrou 32 casos autóctones de dengue

Cidades da região já acenderam alerta para risco de epidemia; em dezembro o Ministério da Saúde inseriu Agudos na lista de municípios com risco de infestação

Por Welinton Barros em 08/01/2019 às 12:07:10

Em três meses a Secretaria de Saúde de Agudos contabilizou 32 casos positivos de dengue. É o que informou a Assessoria de Imprensa da prefeitura nesta terça-feira, 8. Segundo o Executivo, todos os casos foram considerados autóctones, ou seja, foram contraídos no próprio município.

O Guarani havia publicado em edição impressa no dia 15 de dezembro, que o Ministério da Saúde emitiu alerta para os municípios com risco de infestação do mosquito Aedes Aegipty. Quinze cidades da região haviam sido inseridas no levantamento.

Para se ter uma noção, para ser satisfatório o índice do município precisava ser menor que 1. Agudos foi classificada como índice 5. O pior índice do estado é Avaí, que à época, foi apontado com índice 10,3.

Segundo a prefeitura, 38 suspeitas foram registradas de outubro a dezembro de 2018 na cidade, sendo 32 casos positivos da doença, todos contraídos no município. Não foi informado em quais regiões da cidade os casos foram registrados.

Em nota a prefeitura explica que está tomando medidas para evitar que novos casos sejam registrados. "A Secretaria Municipal de Saúde por meio do Setor de Controle de Vetores está intensificando as visitas casa a casa e nos pontos estratégicos e, onde os casos são confirmados estamos realizando o bloqueio com ação para eliminar água parada e realizando a nebulização.  Também foram realizadas ações educativas nas escolas e mobilização por meio das mídias e através de veículos de som a fim de alertar a população sobre os cuidados para eliminação dos criadouros e a importância da ação de nebulização. Outras ações estão sendo desenvolvidas pelos setores de Vigilância Epidemiológica na investigação e agilidade no tratamento dos casos suspeitos. Vigilância Sanitária com ações educativas, de orientação e autuação. Os PSFs com ações educativas e orientação. Além das ações desenvolvidas em parcerias com a Secretaria de Educação, Secretaria de Vias Públicas, Secretaria de Meio Ambiente, Secretaria de Obras e Secretaria de planejamento e Comunicação. E já estamos panejando um novo mutirão de limpeza na cidade para o início deste ano".

Fonte: Welinton Barros | O Guarani